quinta-feira, 13 de agosto de 2009

Juiz evangélico defende crucifixos em repartições públicas

"Embora cristão, as doutrinas católicas diferem em muitos pontos do que eu creio, mas se foram católicos que começaram este país, me parece mais que razoável respeitar que a influência de sua fé esteja cristalizada no país." Este é um trecho do artigo do juiz titular da 4ª Vara Federal de Niterói (RJ), William Douglas, publicado nesta semana, no site Consultor Jurídico [íntegra aqui]. O magistrado, que se denomina evangélico, critica a ação do Ministério Público Federal que pede a retirada de símbolos religiosos nos locais públicos federais de São Paulo.
.
.: Presidente do STF critica ação para retirada de símbolos religiosos
.

"Querer extrair tais símbolos não só afronta o direito dos católicos conviverem com o legado histórico que concederam a todos, como também a história de meu próprio país e, portanto, também minha. Em certo sentido, querer sustentar que o Estado é laico para retirar os santos e Cristos crucificados não deixaria de ser uma modalidade de oportunismo".
.
Para o juiz William Douglas, muitos que são contrários à permanência dos símbolos religiosos em repartições públicas, na verdade professam uma nova religião, a "não religião". "Todos se recordam do lamentável episódio em que um religioso mal formado chutou uma imagem de Nossa Senhora na televisão. Se é errado chutar a imagem da santa, não é menos agressivo querer retirar todos os símbolos. Não chutar a santa, mas valer-se do Estado para torná-la uma refugiada, uma proscrita, parece-me talvez até pior, pois tal viés ataca todos os símbolos de todas as religiões, menos uma. Sim, uma: a \'não religião\', e é aqui que reside meu principal argumento contra a moda de se atacar a presença de símbolos religiosos em locais públicos".
.
O magistrado aponta que os defensores da ação do Ministério Público Federal têm uma interpretação parcial da laicidade do Estado, passando a querer eliminar todo e qualquer símbolo, e por consequência, toda manifestação de religiosidade. "Isso sim é que é intolerância", pontua. "Quando vejo o crucifixo com uma imagem de Jesus não me ofendo por (segundo minha linha religiosa) haver ali um ídolo, mas compreendo que em um país com maioria e história católica aquela imagem é natural". O juiz federal afirma que a imagem de Jesus Cristo na cruz até remete a uma conduta ética dos magistrados. "O crucifixo nas cortes, independentemente de haver uma religião que surgiu do crucificado, é uma salutar advertência sobre a responsabilidade dos tribunais, sobre os erros judiciários e sobre os riscos de os magistrados atenderem aos poderosos mais do que à Justiça".
.
No final do artigo, o juiz recorda sua posição evangélica, ao mesmo tempo em que reconhece o papel fundamental do catolicismo na história do Brasil. "Eu, protestante e empedernidamente avesso às imagens esculpidas, as verei nas repartições públicas e saudarei aos católicos, que começaram tudo, à liberdade de culto e de religião, à formação histórica desse país e, mais que tudo, ao fato de viver num Estado laico, onde não sou obrigado a me curvar às imagens, mas jamais seria honesto (ou laico, ou cristão, ou jurídico) me incomodar com o fato de elas estarem ali".

13 comentários:

Flávio Bueno disse...

tem mais sobre o tema neste link

http://www.almadonegocio.org.br/img/popup/1g.jpg

Cris disse...

Eu falo com toda sinceridade!!!! Eu tbm não acho correto ter!!!!
Sou católica, mas num concordo com isso!!!

Guilherme disse...

Pais Democrático!!!!!????? Mas uma coisa é certa os evangélicos querem dominar o mundo como os judeos!!!!!!

kkkkkkkkkkkkkkk

Mayara disse...

Dominar o mundo é????

Flávio Bueno disse...

Essaaa discussão é complicada!!! Mas uma pergunta eu faço e se nós catóicosss chegassemos em todas a instituições públicas e tivesse uma estátua de Yemanjá??? o q nós fariamos... as religiões afros tbm fazem parte da nossa configuração social??? ou não???

João Cláudio disse...

BoNS QUESTIONAMENTOS!!!

E eu concordo q os JECAS quem dominar o mundo, como nós tbm dominamos,e enfim... acho q por ser um estado Laico não deveria ter....

André disse...

Essa questão é biblica... o crucifixo já existe a mais de 2000 anos, a grande discurssão é por isso, e não por imagens, que logicamente vão entrar no pacote também!!! Assim como o calendário gregoriano etc etc.... já existe a séculos querem mudar uma coisa que representa muito para nós, e outra coisa, o crucifixo esta ligado diretamente a fé católica onde muitos com interesses politicos querem aparecer e tirar proveito colocando sua "imagem" em evidência!!! Vcs estão vendo o que esta ocontecendo entre a TV record e globo nos ultimos dias??? Sempre colocam imagens do católicismo ligado a rede globo, que diga-se de passagem não tem nada de santa.
Acredito na questão cultural, respeito todas a religiões, mais agora um cidadão desses vem com essa!!!
Tem outros interesses por traz disso!!!

Flávio Bueno disse...

Vamos as leis!!!

A nossa Carta Magna diz que o Brasil é um Estado Laico... isso significa que impera em nossas leis a visão de que temos a liberdade de escolhe qualquer religião e q assim o Brasil não tem uma religião...

Bom, países como a Itália e Alemanha deixam claro em sua constituição q a religião oficial dos paises supracitados é o catoliscimo e por isso os orgãos públicos precisam de alguma for demonstrar a fé do país.

No caso do Brasil isso é diferente,... e infelizmente ou felizmente não podemos, por lei, induzir, provocar, ou manifestar, como Estado, a fé pelo país, isso como nação, estado ou município...

Agora o questionamento que eu trouze foi pra justamente nos fazer pensar sobre esselance q temos de querer ser unicos na vida do brasileiro qndo não somos...

Concordo plenamente com meu irmãooo qndo ele afirma que tem diversos interesses obscurus por traz desse fato... como troquei um papo com algumas pessoas idoneas q tbm se incomodam com isso...

a verdade é... essa é uma disputa que ngm sai beneficiado... pq impede tanto o católico de ver sua fé manifestada qnto as outras religiões de não ver... e por conta disso se sentem desrespeitadas...

Agora uma coisa é fato... só evangélico q perde tempo com este tipo de imbecilidade...

daqui a pouco vão kerer tirar o cristo redentor do rio por achar q ele desrepeita a religião deles...

complexooo

Eduardo disse...

assino embaixo tanto no q o andré e o flávio disse...

acho tbm q essa é uma briga de foice...

e a reportagem da globo com a record mostra o tão complexo esta situação e o q me indigna é q tudo isso não vao dá em nada!!!!

Anônimo disse...

up ae pra esse tópico...

esse debate mereceeeeee ser divulgado!!!!

Léo Dantas disse...

Comissão da Câmara aprova estatuto jurídico da Igreja Católica
http://www1.folha.uol.com.br/folha/brasil/ult96u608793.shtml

Léo Dantas disse...

Esse negocio envolvendo GLOBO e ReCORD já ta passando dos limites. Entrei no Site da SACRAMUSIC e tá ele dando margem as acusações contra o Edir Macedo!! Num vamo entrar nessa não meu povo!! Falar mau do produto do concorrente é sinal de que você não sabe falar bem do produto que você vende!! O que eu menos queria é que os veiculos ligados a nossa fé católica se envolvessem nisso. Isso é negócio!!

Eduardo disse...

Num concordo Léoooo

eu acho q tem q falar mal desse pilantra msmo

WMblog.blogspot.com - Todos os direitos reservados | Desenvolvido por: Rodrigo Vidigal