segunda-feira, 13 de julho de 2009

Evangelho de hoje!!!

Não vim trazer a paz, mas a espada.

Mt 10,34-11,


Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: “Não penseis que vim trazer a paz à terra; não vim trazer a paz, mas sim a espada. De fato, vim separar o filho de seu pai, a filha de sua mãe, a nora de sua sogra. E os inimigos do homem serão os seus próprios familiares. Quem ama seu pai ou sua mãe mais do que a mim, não é digno de mim. Quem ama seu filho ou sua filha mais do que a mim, não é digno de mim. Quem não toma a sua cruz e não me segue, não é digno de mim. Quem procura conservar a sua vida vai perdê-la. E quem perde a sua vida por causa de mim vai encontrá-la. Quem vos recebe a mim recebe; e quem me recebe, recebe aquele que me enviou. Quem recebe um profeta, por ser profeta, receberá a recompensa de profeta. E quem recebe um justo, por ser justo, receberá a recompensa de justo. Quem der, ainda que seja apenas um copo de água fresca, a um desses pequeninos, por ser meu discípulo, em verdade vos digo: não perderá a sua recompensa”. Quando Jesus acabou de dar essas instruções aos doze discípulos, partiu daí, a fim de ensinar e pregar nas cidades deles.


QUEM VOS RECEBE A MIM RECEBE


Comentários Pe. Emerson


São radicais as exigências de Jesus aos seus discípulos. Não existe meio termo: só assim serão “dignos dele”. A escolha por Deus e a decisão por seguir a Cristo devem ser autênticas, mesmo com o risco de perder o afeto dos familiares, pois o “morrer” é que faz germinar a verdadeira vida, enquanto que a realidade desse mundo é passageira e pode nos comprometer a salvação. A dignidade do discípulo está no fato de nele estar presente o Cristo, mesmo que esse discípulo seja um pequenino, sem instrução ou carismas, mas somente a fé em Cristo, de modo que quem o receber, receberá o próprio Cristo. Após enviar os apóstolos a pregar, Jesus retoma sua incessante atividade, porque ele é o missionário do Pai.

Um comentário:

wendel disse...

Muito lindo tudo isso e muito válido também, mas na prática não vejo quase nada de concreto em relação as palavras de Cristo porque pessoas que entregam a sua vida, o seu ministério a Cristo são escurraçadas com preconceitos diversos pelo falto da pessoa ser diferente, ter tatuagens, piercings, cabelo grande, ou porque se veste diferente dos padrões digamos "normais". Vejo uma dose exagerada de hipocrisia nisso tudo. Cristo acolheu a todos e nunca pediu pra ninguém mudar a sua aparência e sim o seu coração. Tenho tatuagem, cabelo grande e tenho um ministério de rock católico. Acolho a todos independente de cor, raça, credo ou orientação sexual. Devemos acolher a todos pois são essas pessoas que mais necessitam de amor, não esse amor que o mundo prega, mas um amor de acolhimento, amizade, paciência a acima de tudo caridade!

WMblog.blogspot.com - Todos os direitos reservados | Desenvolvido por: Rodrigo Vidigal