quarta-feira, 4 de agosto de 2010

A Melhor Notícia do Ano - Deus nos abençoe!!!

Candidatura de Joaquim Roriz é vetada pelo TRE-DF

O Tribunal Regional Eleitoral do Distrito Federal (TRE-DF) indeferiu, na tarde desta quarta-feira (4/8), por quatro votos a dois, o registro da candidatura de Joaquim Roriz (PSC), que disputaria o cargo de governador do Distrito Federal.

A ação de impugnação se deve à renuncia ao cargo de senador, em 2007, para evitar uma possível cassação. Nesse caso, aplicou-se a Lei de Ficha Limpa.

Foram quatro votos contra a candidatura, dos juízes Hilton Queiroz, José Carlos Souza e Ávila, Mário Machado e Luciano Vasconcellos (relator). Os dois a favor de Roriz vieram dos juízes Evandro Pertence e Raul Sabóia.

As ações de impugnação contra a candidatura de Joaquim Domingos Roriz foram ajuizadas pelo Ministério Público Eleitoral (MPE), pelo PSol e pelo candidato a distrital Júlio Cárdia (PV). Segundo os advogados de Roriz, a norma ditada pela Lei de Ficha Limpa não poderia ser aplicada neste ano, pois isso significaria retroagir para condenar um candidato, o que seria inconstitucional.

Os advogados de Roriz anunciaram que vão entrar com recurso no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em até três dias. O TSE tem até o próximo dia 19 para fazer o julgamento. Caso Roriz perca de novo, a última instância é o Supremo Tribunal Federal (STF).

Apesar do registro de candidatura indeferido, Roriz pode continuar a campanha eleitoral. O ex-governador também tem assegurado o tempo de propaganda na televisão e no rádio.

7 comentários:

Flávio Bueno disse...

Wigberto Tartuce está inelegível

Cabe ao Tribunal de Contas da União (TCU), de acordo com a Lei das Eleicoes (Lei 9504/97) apresentar à Justiça Eleitoral, até o dia 5 de julho do ano em que se realizarem as eleições, a relação dos responsáveis que tiveram suas contas relativas ao exercício de cargos ou funções públicas rejeitadas por irregularidade insanável e por decisão irrecorrível do órgão competente.
O TCU não declara a inelegibilidade de responsáveis por contas julgadas irregulares. Essa competência é da Justiça Eleitoral. Ao Tribunal cabe apresentar a relação das pessoas físicas que se enquadram nos requisitos legais. A lista de responsáveis com contas julgadas irregulares é a relação das pessoas físicas com contas julgadas irregulares, não falecidas, ocupantes de cargos públicos à época da irregularidade e cuja decisão que julgou suas contas não teve sua eficácia prejudicada pela interposição tempestiva de recurso.

Na lista, recém divulgada, encontra-se Wigberto Tartuce, o Wigão. Veja a imagem da ocorrência:

http://mfl-movimentofichalimpa.blogspot.com/2010/08/wigberto-tartuce-esta-inelegivel.html

Amanda Brito disse...

A notícia é boa mesmo, mas só acredito depois da decisão do STF...

Flávio Bueno disse...

Deus existe amandinha

Deus existe....

vc verá!!!!

no TSE ele num passa pq o Levandosky é o cão chupando manga e adora o ficha limpa

Deus prove, deus proverá!!!

Leandro disse...

O flávio e q os anjos digam amém pra isso!!!

Flávio Bueno disse...

Pra NUM FICAR DE BARRISMO OU NEGO ACHAR Q DEFRENDO SÓ UM LADO... VOU COLOCAR AQUI TODO MUNDO DA ESQUERDA... Q É PILANTRA TBM E Q DE ALGUMA MANEIRA DEVE justificativas a justiça!!!!

o primeiro é esse caboco ae... q fica dando carteirada em blitz....


Transparência Brasil: Cabo Patrício (PT-DF) - 1 Processo localizado.
Cabo Patrício (PT-DF)


É alvo de representação na Câmara por suposta quebra de decoro parlamentar. O deptuado teria favorecido os negócios do presidente da Casa, Leonardo Prudente por meio de lei que prioriza a contratação de empresas de Brasília para recolher e tratar o lixo hospitalar. Um dos filhos de Prudente é representante de empresa do ramo favorecido (Correio Braziliense, 9.dez.2009).


Fonte: http://www.excelencias.org.br

Flávio Bueno disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Flávio Bueno disse...

Tribunal Regional Eleitoral (TRE) atualizou a lista de candidatos que tiveram a candidatura impugnada, como o ex-governador Joaquim Roriz (PSC), ou que renunciaram do direito de disputar esta eleição. Confira quem está de fora do pleito:

Deputado Distrital

Nome para urna eletrônica

Número

Situação

Partido

AGUINALDO LELIS

11211

Não conhecimento do pedido

PP

ALEXANDRA CUSTÓDIO NASCIMENTO

33999

Indeferido

PMN

ALEXANDRE COSTA JORGE

45000

Renúncia

PSDB

ALICE TOLEDO

43448

Renúncia

PV

ANISIO LOBO

31389

Renúncia

PHS

BENTO

20136

Renúncia

PSC

BOMBOM

28124

Renúncia

PRTB

CARLOS ISSA

70150

Renúncia

PTdoB

DEDÉ RORIZ

28220

Renúncia

PRTB

DELFINO PEREIRA

70800

Renúncia

PTdoB

DOUTOR MORAES

70224

Renúncia

PTdoB

EDLEUZO CAVALCANTE

50150

Indeferido

PSOL

ELIAS TAVARES

20156

Renúncia

PSC

JOSE LOURENÇO

70099

Renúncia

PTdoB

MARIA FRANCISCA CONCEIÇÃO NASCIMENTO

20227

Indeferido

PSC

MARINEUSA

17147

Renúncia

PSL

SALOMAO NETO

17177

Indeferido

PSL

TIAGO MENDES

31105

Renúncia

PHS

VALDEMIRO BISPO DE OLIVEIRA

33100

Indeferido

PMN

WILSON LIMA

22123

Indeferido

PR


Deputado Federal


Nome para urna eletrônica

Número

Situação

Partido

GLEISON WILLY

1177

Renúncia

PP

MÁRCIO BRANCO

1199

Renúncia

PP

LURDINHA ARAÚJO

1401

Renúncia

PTB

JUIZ DE PAZ

1477

Renúncia

PTB

BRUNELLI

2044

Renúncia

PSC


WEBER MAGALHÃES

4500

Indeferido

PSDB


Senador

Nome para urna eletrônica

Número

Situação

Partido

NIXON BRASIL

190

Renúncia

PTN

ANNA CHRISTINA KUBITSCHEK BARBARÁ PEREIRA

255

Indeferida

DEM

WMblog.blogspot.com - Todos os direitos reservados | Desenvolvido por: Rodrigo Vidigal